Diogo Abreu assinou e arrumou: estrutura não vai compactuar

3 meses ago
287

Apesar de todos os rumores que ligavam Diogo Abreu ao Sporting, a estrutura do FC Porto deu a palavra ao atleta até à sua última oportunidade. O médio assinou na semana passada um pré-contrato profissional com os leoninos até 2026 e imediatamente a estrutura portista informou as equipas técnicas da equipa B e sub-19 que o jogador estava excluído.

A informação foi inclusive avançada em primeira mão pela conta Porto Youth, posteriomente confirmada pelo Mercado Azul. Esta decisão já estava inclusive planeada, mas o FC Porto esperou até à oficialização. O empresário do atleta, Miguel Pinho, forçou a saída pois, ao que foi possível apurar, tinha à sua espera um comissão de assinatura significativamente superior.

Os portistas possuem uma relação muito complicada com o empresário e a mudança recente de Bruno Costa para a órbita do mesmo também não caiu bem, conforme noticiamos à data. Rodrigo Abreu, irmão de Diogo, também ruma a Alvalade, pois a família do jogador temia represálias. O Sporting prometeu a Diogo Abreu que irá realizar a pré-temporada de 2022/23 com a equipa principal como trunfo para aliciar o atleta.

O FC Porto, por seu lado, entende que o caminho não deve ser vendido com falsas ilusões e pretende atletas comprometidos diariamente no trabalho até atingirem o plano principal. A quantidade de jogadores provenientes da formação que são hoje destaque na equipa sénior são, na verdade, o exemplo maior de que o caminho é perfeitamente realizável.

Na sequência destes incidentes, David Vinhas, defesa central também representado por Miguel Pinho, recuou na possibilidade de também rumar a Alvalade. O atleta está neste momento num impasse, pois pretende continuar no FC Porto, mas as negociações entre o seu empresário e os portistas é inexistente neste preciso momento.

A estrutura portista entendeu passar a ter mão pesada para este tipo de atitudes e influências de pessoas em redor dos seus atletas. Numa fase tão importante da sua evolução, Diogo Abreu vai passar meia temporada sem treinar e terá que procurar apoio fora do clube para sequer manter a forma física. Neste fim-de-semana, o atleta já desapareceu da convocatória da equipa B, na qual atuava regularmente.

SIGA-NOS

Nas redes sociais

Notícias relacionadas

em destaque

Marche quer jogar mais, mas garante querer «o melhor para o clube»

Titular durante toda a competição, Marchesín consagrou-se também como vencedor da Dobradinha e estava naturalmente feliz no final do encontro. No entanto, o guarda-redes argentino...

2

Mbemba: «Seja qual for o meu futuro serei sempre portista»

3

Jornalista francês afirma: Diretor do PSG reuniu-se com Conceição

4

Namaso aborda o futuro: «Vamos ver o que acontece»