• Notícias
  • Empresários de Otávio exigem pagamento de 615 mil euros

Empresários de Otávio exigem pagamento de 615 mil euros

1 mês ago
238

De acordo com o Jornal de Notícias, a Livesoccer, agência que intermediou a renovação de Otávio, exige o pagamento de 615 mil euros por parte do Porto.

A agência, sediada em Inglaterra, afirma que deveria ter recebido o dinheiro até 31 de agosto. Não o tendo recebido, o Porto está a ser alvo de um processo de execução de 615 863, 01 euros. O requerimento executivo enviado ao Tribunal Judicial da Comarca do Porto afirma que o contrato de intermediação entre as duas partes foi assinado no dia 21 de março, véspera do anúncio da renovação do luso-brasileiro.

Assim sendo, os Dragões teriam que pagar um total de 1,2 milhões de euros por ano ao longo de quatro temporadas. Além disso, foi acordado que o pagamento poderia ser faseado. No dia 31 de agosto de cada ano, o Porto deveria pagar 500 mil euros, acrescido de IVA, à Livesoccer. Os restantes 700 mil euros (mais IVA) devem ser pagos no dia 30 de setembro em cada ano.

A agência, que em Portugal é liderada pelo empresário Israel Oliveira, afirma que tentou contactar o FC Porto, embora sem sucesso. Assim sendo, nove dias após o término do prazo foi enviada a ação executiva para o Tribunal Judicial do Porto. O Jornal de Notícias entrou em contacto com os Azuis e Brancos que afirmaram desconhecer o caso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

SIGA-NOS

Nas redes sociais

Notícias relacionadas

em destaque

Acordo de Diogo Costa na linha de outras renovações

A renovação de Diogo Costa está iminente e foram revelados nesta quinta-feira os detalhes do acordo que será assinado. O guarda-redes da Seleção Nacional é...

2

Diogo Costa renova contrato com o Porto, garante jornalista

3

Fábio garantido, Diogo Costa pelo mesmo caminho

4

Expectativa por Sidnei Tavares