FC Porto – Tondela 4-0 (Crónica)

2 meses ago
61

Depois da derrota caseira para a Liga Europa no meio da semana, o FC Porto voltou ao Estádio do Dragão com o intuito de restabelecer a união com as vitórias no solo da Invicta. O oponente pela frente, liderado por Pako Ayesteran, apesar da má classificação na tabela da Liga Bwin apresenta um registo nos golos marcadores relevante para a defensiva dos dragões

Durante toda a primeira parte, a superioridade do FC Porto esteve múltiplas vezes inconsistente. Com um Tondela atrevido e subido no terreno aliado à pouca agressividade e concentração nas decisões individuais dos azuis e brancos promoveu chances claras de golo para a equipa de Viseu. Contudo, ao minuto 45, num lance de insistência do ataque portista, Taremi no chão sofre falta na área adversária e de seguida converte a penalidade máxima com sucesso, destacando no marcador os comandados de Sérgio Conceição.

No segundo tempo, a partida manteve a mesma toada. No entanto, com as entradas de Fábio Vieira e Francisco Conceição e, mais tarde de Zaidu e Galeno, permitiram ao FC Porto usufruir das debilidades defensivas do Tondela após a expulsão ao minuto 66 de Manuel Hernando. Primeiramente, numa bela jogada de Galeno em tabela com Otávio e, no timing certo, oferece a bola ao extremo para finalizar com primor para o 2-0 no marcador.

No decorrer dos últimos 15 minutos de jogo a partida alterou de feição. O FC Porto claramente mais confortável no relvado e com maior espaço para dar fruto a qualidade dos seus intervenientes. Fábio Vieira, na passagem do minuto 76, depois de uma bela arrancada de Galeno aproveita o ressalto dado pelo guarda redes do Tondela, e encosta para o terceiro golo dos dragões. Pouco depois, num cruzamento atrasado de Zaidu, Francisco Conceição aproveita a oportunidade na área adversária para estancar o resultado no 4-0 final.

SIGA-NOS

Nas redes sociais

Notícias relacionadas

em destaque

Marche quer jogar mais, mas garante querer «o melhor para o clube»

Titular durante toda a competição, Marchesín consagrou-se também como vencedor da Dobradinha e estava naturalmente feliz no final do encontro. No entanto, o guarda-redes argentino...

2

Mbemba: «Seja qual for o meu futuro serei sempre portista»

3

Jornalista francês afirma: Diretor do PSG reuniu-se com Conceição

4

Namaso aborda o futuro: «Vamos ver o que acontece»